A fintech brasileira Stone, especializada em serviços de pagamentos, divulga que vai se lançar em uma nova área de serviços financeiros: as contas digitais. Estas contas estarão disponíveis aos clientes que já utilizam sua máquina de cartões.

Desenvolvida pelo carioca André Street, a iniciativa pretende atrair as pequena e médias empresas  e fidelizar os consumidores em torno das soluções que a companhia fornece.

“A vida do lojista é um pesadelo, passando o dia todo falando com muitas pontas. Queremos facilitar”, disse Augusto Lins, presidente da Stone. Assim como muitas contas atuais, a conta digital da Stone chega ao mercado sem tarifas mensais.

Como Vai Funcionar a Conta Digital

A nova modalidade oferecida pela Stone será uma conta de pagamentos voltada para os clientes da fintech com facilidade na hora de adquirir e manter pois a mesma estará disponível no aplicativo da empresa. 

Como a companhia já tem todo os dados do usuário, a expectativa é que esta aprovação aconteça rapidamente e, caso o cliente tenha alguma dificuldade ou dúvida, o mesmo poderá entrar em contato com a empresa através do próprio app, sem a necessidade de visitar uma agência.

Por meio do serviço, será disponibilizado ao cliente a transferência entre bancos (TED), registro da folha de pagamento, portabilidade salarial, pagamento de boletos e tributos, além de outras transferências internas para outras contas Stone.

Mas, ao contrário do que alguns bancos digitais oferecem, a Stone não vai disponibilizar TEDs gratuitas, cada operação vai custar R$ 4. 

Previsão

De acordo com Lins, o principal diferencial dessa conta é a possibilidade do usuário ter total controle de custos e despesas do seu negócio. Com o auxílio de seu sistema de pagamento, a Stone vai disponibilizar ao cliente a visualização dos valores que já caíram e que ainda vão cair na conta do empresário.

Essa visualização é completa pois separa os valores por modalidade de pagamento como: cartão de crédito, cartão refeição, débito ou alimentação e por prazo de depósito na conta do empreendedor.

“O lojista nunca sabe exatamente quando vai ter dinheiro. Queremos organizar de forma fácil aquele monte de papéis e comprovantes”, diz o executivo.

Esse diferencial promete atrair mais empreendedores para a Stone e os benefícios não param por aí. A companhia também vai oferecer um cartão de crédito pré-pago gratuito e sem anuidade, em parceria com a Mastercard para seus usuários.

A estratégia da Stone é simples: oferecer serviços diferenciados e de qualidade para as pequenas e médias empresas, a fim de que elas não queiram trocar a empresa por uma rival  – caso surja oportunidade -, pois a fintech já atende todas as suas necessidades. 

“Com a redução de taxas, os líderes do mercado transformaram o setor de pagamentos em commodity, enquanto uma empresa mais nova, como a Stone, tem de trazer serviços de valor agregado”, afirma Edson Santos, consultor e especialista em pagamentos.

Para Guilherme Horn, consultor da Associação Brasileira de Fintechs (ABFintechs), oferecer uma conta digital é “um passo natural” para a Stone, já que rivais como a PagSeguro também já têm esse tipo de oferta. “Ter uma conta digital é uma forma de garantir que ela não vai perder clientes, garantir sua fatia de mercado”, afirma. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*