Para você que é aposentado, pensionista ou servidor público, os cartões de crédito consignado podem ser uma boa opção para auxiliar no orçamento doméstico.

Isso porque o seu principal diferencial é o pagamento automático da fatura mínima dos seus gastos, isso te impede de deixar de pagar as parcelas e criar dívidas que crescem como uma bola de neve.

Além disso, o cartão consignado é sem anuidade e te permite transferir os gastos da fatura atual para o próximo mês, cobrando juros mínimos, muito menores do que os do cartão rotativo.

Quer saber mais sobre esse cartão? Vamos te explicar tudo nesse post.

Como Funciona o Cartão de Crédito Para Servidores Públicos?

O cartão de crédito consignado para servidores públicos funciona como qualquer outro cartão. Cada cliente tem seu limite máximo com a definição baseada em sua renda e pode fazer compras parceladas com ele todo mês.

Mas ele também possui sua singularidades, como o débito da margem consignável automático no salário do servidor, ou no benefício do aposentado pelo INSS, e a opção de saque do saldo do cartão de crédito.

Para o cartão de crédito do servidor público, a margem consignável é de 5% do pagamento mensal líquido do cliente.

Ou seja, se ele ganha R$ 2.000 por mês, a margem consignável do seu cartão é de R$ 100, e esse dinheiro é automaticamente descontado de seus rendimentos mensais – se utilizar o valor no cartão, claro.

Isso que chamamos de parcela mínima do cartão. Se o servidor gasta menos do que essa margem, tem descontado de seu salário (ou benefício) apenas o que gastou. Se o gasto mensal excede limite, o próprio servidor fica responsável pela quitação do restante da parcela, através de boleto.

Caso o titular não pague a fatura toda do mês, a diferença volta na próxima fatura, acrescida de juros consignatários.

Como já informamos, o cartão de crédito consignado para servidores públicos também permite saques em dinheiro, que muitas vezes podem ser de 90% do valor do limite total do cartão. Essa porcentagem varia de banco para banco.

Outra opção é escolher em transferir o valor sacado diretamente para sua conta no banco. Todas as instituições financeiras permitem esse processo.

Saiba agora quem pode solicitar o cartão de crédito consignado e aproveitar todos os benefícios.

Quem Pode Solicitar?

O cartão de crédito consignado pode ser solicitado e contratado por Servidores públicos, ativos ou aposentados e pensionistas do INSS.

Para solicitar, é exigido que o Servidor emita uma Autorização de Consignatória, no SIGEPE e tenha seus documentos pessoais em mãos.

Antes de pedir seu cartão, recomendamos que pesquise quais bancos são conveniados ao órgão que você trabalha perguntando em seu departamento de Recursos Humanos e pesquise os seguintes tópicos em cada um desses bancos:

  • Qual o limite do cartão consignado o banco libera para você
  • Quais taxas de juros o banco trabalha
  • Qual o valor disponível para saque
  • Como os canais de atendimento do banco funcionam e se eles respondem às solicitações dos clientes com rapidez.

Com essas informações em mãos, sua escolha se torna mais fácil e mais clara. Agora chegou a hora de contratar seu cartão.

Como Contratar o Cartão de Crédito Para Servidor Público?

O cartão é emitido gratuitamente, mas como já falamos, você precisa dos seguintes documentos em mãos para solicitar:

  • RG
  • CPF
  • Comprovante de endereço atualizado
  • Comprovante de renda dos últimos meses
  • Autorização de Consignatária

Dependendo do banco que você escolheu, a solicitação pode ser realizada pela internet e você não precisa nem de sair de casa.

Ao pedir seu cartão consignado, você recebe uma mensagem via SMS ou e-mail informando a aprovação do mesmo. E agora vem a melhor notícia! Este cartão está disponível para negativados!

Você não precisa ficar com receio de não ser aprovado pois é muito fácil conseguir um cartão de crédito consignado para Servidor Público.

E aí? O que está esperando para solicitar o seu ainda hoje?

Recomendados para Você
Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*