Muitas pessoas já caíram na armadilha do cheque especial, sabe aquele dinheirinho extra inesperado que está lá na sua conta corrente e você não sabe porque, é ele mesmo, sem perceber você pega ele, mas na verdade ele não era um saldo seu mas sim do cheque especial. Este se trata de um tipo de crédito que funciona como um empréstimo pré-aprovado.
Mas mesmo que não seja por engano você pode ter usado ele em um momento de desespero alguma vez na vida, mas a pergunta é, vale a pena usar o cheque especial?

Vantagens do cheque especial

A grande vantagem do cheque especial com toda certeza é a facilidade e comodidade, parece que ele está ali sempre como um amigo prestativo (só que da onça) esperando pra te ajudar caso você precise. Assim, a verdade é que em um momento extremo em que você precisa de dinheiro o mais rápido possível ele pode mesmo servir, afinal ele está pré-aprovado e não vai ter aquela burocracia dos outros empréstimos, por isso não podemos negar que esse é um ponto positivo.

Outra vantagem também é que para quitar o cheque especial basta ter dinheiro em conta, o valor, os juros e outros encargos já serão debitados automaticamente, assim fica mais difícil deixar de pagar. Para saber se você tem limite disponível no cheque especial basta entrar na sua conta ou tirar um extrato bancário e lá geralmente vai estar discriminado o saldo da conta corrente, o limite do cheque especial e o saldo total, que vem constando tudo.

Pode aparecer também o saldo da conta corrente somado ao valor do crédito disponível, de forma que não seja claro e o cliente não perceba a divisão, criando uma falsa ilusão de que aquele é o saldo da sua conta e não a somatória.

Desvantagens do cheque especial

O que é uma vantagem é também uma desvantagem, desde sempre essa enorme facilidade leva muitas pessoas ao endividamento, é uma armadilha tremenda principalmente para pessoas ingênuas e pessoas sem controle financeiro. Outra enorme desvantagem é que os juros do cheque especial são realmente exorbitantes, afinal toda sua praticidade tem um alto custo. Para se ter ideia os juros dele se aproximam muito do rotativo do cartão de crédito, que são os mais altos do mercado. O caso é tão sério que atualmente os juros do cheque especial são de 306,9% ao ano.

Ainda se o cliente não tiver saldo no dia da cobrança dos juros e encargos, que costumam ser mais no início do mês, será cobrado também no débito uma multa de 2% sobre o total da dívida, 2% esses fixos, definidos por lei, portanto não podem variar de banco para banco.
A não ser que não tenha outra alternativa não faça opção pelo cheque especial, existem outros tipos de empréstimos e créditos pessoais com juros um pouco menos abusivos.

Busque outras opções

O cheque especial não é a única opção do mercado, existem outras modalidades de crédito pessoal onde a média de juros é de cerca de 119% ao ano, o que não representa nem a metade dos juros do cheque especial. Ainda para quem é aposentado ou pensionista do INSS os juros do crédito consignado giram em torno de 24% ao ano e do crédito consignado para servidores públicos é de cerca de 21%.

Por isso se você tem a possibilidade de conseguir qualquer outro empréstimo desses acaba sendo mais vantajoso do que o cheque especial, principalmente os consignados.
Se você já entrou no cheque especial e não está tendo como quitá-lo, talvez vale a pena até pegar alguns desses outros empréstimos com juros mais baixos para sanar a dívida.

O que ninguém sabe é que assim como qualquer outro produto que o banco lhe ofereça, o cheque especial pode ser cancelado a qualquer momento ou reduzido para um valor mais baixo, apenas para situações de emergência. Isso pode evitar tanto que você faça confusão em relação ao saldo, como que você se sinta tentado a pegar o dinheiro em um momento um pouco mais apertado.
Na verdade sabemos que o ideal mesmo é se planejar financeiramente e ter controle sobre suas entradas e saídas financeiras, assim não corremos o risco de cair em nenhuma cilada.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*