Existem vários motivos para acabar tendo o nome incluído como inadimplente nas listas dos birôs de crédito – Serasa e SPC – e ninguém gosta de ficar lá por muito tempo. Muitas vezes quando você está negativado a única solução acaba sendo solicitar um empréstimo para finalmente colocar todas as suas contas em dia.

Porém, a maioria dos bancos e instituições financeiras não oferecem crédito para quem está com o “nome sujo”. Entretanto, existem algumas opções para negativados conseguirem contratar esse serviço, sem consulta a órgãs de proteção como SPC e Serasa e com juros acessíveis.

Confira nesse post tudo o que você precisa saber para obter um empréstimo mesmo com o nome incluso nos órgãos de proteção de crédito.

Empréstimo para negativados através da Caixa

A Caixa Econômica Federal é um dos principais bancos que possibilitam negativados conseguirem um empréstimo. Sendo assim, esse banco oferece 3 modalidades sem consulta ao SPC e Serasa. Porém, outros bancos também disponibilizam crédito para esse perfil de consumidor, como o Santander e Bradesco.

Penhor da Caixa

Uma das modalidades da Caixa é o Penhor da Caixa, que nada mais é do que uma linha de crédito na qual você deixa seus bens como garantia de pagamento e, no final, você o recebe de volta. Além disso, possui uma das menores taxas do mercado e sem burocracia. Desta forma, você sai com o dinheiro na hora sem precisar de avalista, podendo renovar o contrato quantas vezes precisar.

A Caixa pode conceder valores de até R$100 mil e os limites de crédito podem chegar a 100% do valor do objeto para quem é recebe o salário nesse banco. Para os demais, geralmente, chegam no máximo a 85% do valor. No caso de inadimplência, o seu bem vai a leilão e o dinheiro fica com o banco.

Os bens que podem ser aceitos são:
· Joias
· Automóveis
· Diamantes
· Canetas de valor
· Relógios de valor
· Prataria de valor
· Imóvel

Crédito consignado com garantia do FGTS

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) pode ser também utilizado como garantia de pagamento para empréstimos para negativados. Se o cliente não pagar, o banco utiliza o valor do FGTS para abater as parcelas.

Consequentemente, o critério utilizado para determinar o valor a ser ofertado será 10% do quanto tem na conta do FGTS e 40% da multa caso haja demissão sem justa causa. Ou seja, 50% do seu valor atual do FGTS. Em contrapartida, apenas funcionários de empresas conveniadas com a Caixa podem contratar esse serviço.

Empréstimo consignado

Por último, o empréstimo consignado pode oferecer crédito para pessoas que estão com nome sujo, já que também não é realizada a consulta ao SPC e Serasa. Ainda, este serviço é voltado para consumidores que são pensionistas do INSS, aposentados ou servidores públicos.

Nesta opção, é necessário ter margem consignável disponível, que é o valor máximo da renda mensal que essa categoria pode comprometer em um empréstimo, e as parcelas são descontadas diretamente da folha de pagamento ou benefício.

Empréstimo para negativados em outros bancos

Além da Caixa, outros bancos também oferecem o empréstimo consignado. Esses são alguns exemplos:

  • Banco Santander
  • Banco Safra
  • Banco Itaú Consignado
  • Banco BMG
  • Banco Bradesco
  • Banco do Brasil
  • Banco PAN
  • Banco Daycoval
  • Banco Votorantim

Dicas para contratar um empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa

  1. Analise se o empréstimo é a melhor opção: será que apenas economizando você não conseguiria pagar a dívida? Além disso, verifique a possibilidade de renegocia-la.
  2. Tenha um controle financeiro rigoroso: faça uma análise sobre o quanto ganha você ganha por mês e quanto pode vir a gastar.
  3. Compare todas as opções de bancos e instituições financeiras: veja qual possui as melhores taxas e qual se adequa ao seu perfil.
46 Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*