BDRE ou BNDES: Qual a Melhor Opção de Financiamento?

Uma coisa que todo mundo detesta é pagar juros altos e financiamento, não é mesmo?

Para os empresários sempre é uma novela decidir qual a melhor opção de financiamento, claro, considerando cada porcentagem de juros.

Sendo assim, fizemos esse post para te ajudar a escolher entre dois bancos que são os principais em financiamentos para empresas. Aqui você irá encontrar várias dicas para facilitar na procura, um pouco das vantagens e desvantagens de cada um e terá um norte do que é o melhor para sua empresa hoje. Confira!

Não deixe de comparar

Bom, para você que é empresário e atua na região do sul do Brasil, a opção mais indicada é o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, que é o BDRE. Não querendo te confundir, mas talvez essa opção não seja tão boa assim. Calma, que vamos te explicar!

Com o tempo já gasto em solicitação e do financiamento, pode ser que o BNDES ofereça juros mais baixos do que a empresa que você está olhando. Pro azar dos empresários, eles sempre descobrem isso no final do processo de negociação do financiamento, por isso,
é importantíssimo estar atento, mesmo que já tenha iniciado o processo.

Nossa recomendação é que você compare, compare e compare as opções do BDRE com os outros bancos como o próprio BNDES ou a FINEP antes de fechar.

Para te ajudar a decidir, colocamos 3 passos para você seguir e arrasar na escolha!

3 passos para escolher o melhor financiamento

Passo 1- Comparar as taxas de juros

A taxa de juros é o principal para ter a noção de quanto custará o financiamento e qualquer 1% a menos, já faz bastante diferença no orçamento da sua empresa. Os bancos têm as taxas de juros bem diferentes, então o que precisa ser feito é nada mais nada menos que correr atrás da menor taxa! Entre nos sites, ligue nas centrais e pesquise sem dó!

Passo 2- Veja quais são as garantias exigidas

Não se esqueça que financiamento sem garantias, não é financiamento. Tenha em mente qual o tipo de garantia que você pretende oferecer, mas sempre confira antes quais os tipos que os bancos aceitam. Caso nenhum aceite o que tem para oferecer, busque o que melhor atende.

Utilizar fundos garantidores é uma ótima opção de garantia para pequenas e médias empresas, se ainda não pensou em nada, talvez essa é a melhor para a sua empresa.

Passo 3- Não deixe de conferir os prazos de carência e amortização

Esses prazos são importantíssimos para sua operação. No financiamento as parcelas precisam se encaixar direitinho no orçamento da sua empresa para não ter nenhum problema nos pagamentos.

Quanto menor o valor pago no mês, melhor o empréstimo. Por isso, o prazo de amortização que é o prazo para pagar as parcelas precisam estar alinhados com seu caixa. O mesmo vale para a carência que é quando começa a pagar o empréstimo. Fique atento a todas as datas que os pagos exigem e escolha o melhor de acordo com sua empresa atualmente.

Como você pode ver, infelizmente não conseguimos bater o martelo em qual banco é o melhor para seu financiamento. Nossa instrução é que você procure nos passos que demos acima, assim, as chances de erro serão menores.

Esperamos ter ajudado!

Veja também como escolher o melhor financiamento para ajudar na escolha!

Recomendados
Sem Comentários