Por Que Fazer um CNPJ?

Saiba a importância deste cadastro e como solicitá-lo!

  • Por: Equipe | 03/07/2019 - 18h00

Chega de ser funcionário, não é mesmo? Está na hora do seu eu empreendedor crescer em você e abrir a sua empresa!
Mas como fazer isso de maneira legal? O primeiro passo é abrir o seu CNPJ. Mas como funciona isto? É importante? Se sim, como fazer?

Para responder todas estas perguntas, continue lendo o nosso post e mude a rota da sua futura empresa.
Se você quer continuar como funcionário, saiba as melhores empresas para se trabalhar no Brasil de acordo com a Forbes.

Por que é importante fazer o CNPJ?

Há um tempo atrás tirar o CNPJ era muito burocrático e muito caro! Hoje, com novas leis, a facilidade de empreender no mercado está muito maior e muito mais procurada pelas pessoas.
As pessoas cansaram de serem funcionárias e querem se tornar microempreendedores individuais, isso tudo com o intuito de possuir um negócio lucrativo. As maiores vantagens de possuir um CNPJ para a sua empresa é a liberação da emissão de nota fiscal, a tranquilidade em fazer compras, principalmente de valores altos, e a contratação de serviços terceirizados.

Se você quiser fazer qualquer uma dessas atividades sem registro, é ilegal! A segurança de possuir uma empresa totalmente legal, faz com que o seu empreendimento se desenvolva de maneira saudável, sem problemas com a justiça. O CNPJ concede que a Receita Federal caminhe junto com você os pagamentos dos tributos e dos impostos obrigatórios.
Assim, você tem a abertura para fazer as declarações financeiras corretamente, além de enviar documentos fiscais e organizar a contabilidade da empresa. Se você optar em não ter um CNPJ, a sua empresa irá possuir algumas desvantagens!

Além de operar de maneira ilegal, você nunca conseguirá passar confiança para os seus clientes, que é o mais importante para criar uma base lucrativa. Obter financiamentos empresariais e participar de alguns programas que oferecem um incentivo para o seu próprio desenvolvimento econômico também são vantagens de possuir um CNPJ. E o melhor de tudo: com o CNPJ, você consegue concorrer pela licitação que todo mundo deseja!

O que tenho que fazer para tirar o CNPJ?

Para tirar o CNPJ, a primeira coisa que você precisa saber é em qual formato que o seu empreendimento se encaixa. Se o valor faturado da sua empresa for menor que R$60 mil anual, você deve destacar! Assim, você se enquadra como microempreendedor individual (MEI) e será muito mais simples se inscrever no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas. Caso o faturamento for maior, é necessário definir sua atividade. Procure a lista CNAE que mostra várias áreas de serviço que as empresas podem se encaixar para se cadastrarem.
Fique atento e seja honesto no momento de escolher a área de atuação para não ter problemas com a fiscalização, ok?

Como obter o CNPJ?

Quem é responsável por gerar o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas é a Receita Federal. O pedido pode ser solicitado on-line no próprio site da Receita. Caso você seja MEI, o site é o Portal do Empreendedor. Siga o passo a passo exigido no site para concluir a solicitação. Caso tenha dificuldade, peça a ajuda de um contador que já possui essa experiência. Caso isso não seja possível, procure uma agência do Sebrae no seu município! Lá eles oferecem vários consultores e materiais que te ensinam tudo sobre o atendimento e solicitação.

Dependendo da cidade que você mora, o CNPJ pode ser feito pela prefeitura! Para solicitar é necessário que você leve CPF, número do título de eleitor e declaração do Imposto de Renda.
Quando finalizar o cadastro, o seu CNPJ será gerado na Junta Comercial, no INSS e você terá o Alvará Provisório de funcionamento do seu empreendimento.
Além de conseguir o Certificado de Condição de Microempreendedor Individual!

Agora que você sabe tudo sobre CNPJ e como adquiri-lo, providencie o seu o mais rápido possível!

Conheça também os melhores blogs sobre finanças e descubra tudo que você não sabe sobre dinheiro.

Recomendados
Sem Comentários