Mesmo exigindo experiência nas vagas para emprego, as empresas atualmente têm favorecido candidatos mais jovens para preencher os cargos, mas isso não impede um trabalhador com mais de 50 anos competir no mercado de trabalho.
O Brasil tem hoje cerca de 17% de pessoas no mercado formal de trabalho com idade entre 50 e 64 anos, segundo dados do Ministério do Trabalho.

Multinacionais, como a companhia de seguro Tokio Marine e a empresa de auditoria e consultoria PwC, e empresas nacionais, como a companhia aérea Gol, são exemplos de empresas que resolveram apostar em pessoas com mais de 50 anos a partir do ano passado. Todas elas enxergaram uma oportunidade de mercado, já que a população brasileira está envelhecendo e uma possível Reforma da Previdência deve prolongar o tempo das pessoas no mercado de trabalho.
Se você se encaixa nesse perfil, vamos te dar algumas dicas de profissionais de RH no mercado para te ajudar a procurar emprego e ser bem sucedido.

Tenha Um Plano De Carreira

Antes de sair procurando emprego e se candidatando em todas as vagas disponíveis, procure estabelecer um plano de carreira primeiro. Como assim? Tenha um objetivo específico para trabalhar. Por exemplo, se você sonha em ser gerente de uma grande empresa, de nada adianta aceitar um emprego em uma banca de jornais. Valorize-se! Corra atrás do seu sonho e não deixe que a idade te impeça de conquistar, por isso tenha foco.

De nada adianta ficar pulando de emprego em emprego porque não sabe o que quer fazer. Então, aproveite a maturidade para tomar boas decisões em relação ao seu emprego. Por falar em foco, pesquise em sites, classificados e em artigos as qualidades que os contratantes mais tem procurado. Cruze essas informações com seu currículo e busque aprimorar o que te falta.  Nunca é tarde para aprender coisas novas e aceitar desafios.

Veja aqui 5 profissões do futuro para se inspirar a escolher a sua carreira.

Atualize-se

Como já falamos, se você tem acima de 50 anos e está procurando um emprego, é necessário que esteja disposto a se atualizar.
Procure cursos relacionados ao que deseja fazer e estude para ficar por dentro do assunto, veja dicas para atualizar seu currículo em nosso artigo e até mesmo pense na possibilidade de mudar a forma como procura emprego.
Hoje em dia, poucas pessoas encontram o emprego perfeito nos classificados de jornal ou entregando currículo de porta em porta.

As empresas geralmente preferem contratar pessoas que conhecem ou que foram indicadas, por isso, invista nas suas relações pessoais. Diga aos seus amigos que está procurando emprego e peça para eles te indicarem, coloque seu currículo na rede de contatos profissionais Linkedin, e não deixe de ir a eventos profissionais, apresentar artigos em eventos e manter contato com antigos colegas de faculdade.
As indicações para o emprego dos sonhos podem vir de qualquer lugar, é só estar disposto a procurar.

Persistência É Essencial

Uma procura ativa de emprego leva tempo e frustração.
Prepare-se para ser rejeitado em diversas empresas antes de conseguir seu emprego. Aprenda a ouvir não antes de ouvir um sim.  Se motive a continuar, não importa os obstáculos, porque com perseverança e foco você vai conseguir.
Exerça a prática de olhar sempre o lado bom das coisas, e não deixe de acreditar, porque afinal de contas, você é um profissional competente e tem uma vantagem sobre os trabalhadores mais jovens: experiência.

Não falamos só de experiência no mercado de trabalho não, mas a resiliência de começar de novo após cair, a sabedoria de fazer um trabalho com mais paciência, e o jogo de cintura de lidar com pessoas e situações adversas.

Seja Esperto Na Entrevista

Prepare-se para impressionar o recrutador na hora da entrevista. Dê respostas objetivas, evite contar casos, e por favor, não mencione sua idade – nem a dele – dando exemplos comuns como: “quando eu tinha a sua idade, já tinha três empregos”, ou “meu filho fez a mesma faculdade que você”.

Venda seus pontos fortes demonstrando que você é totalmente competente para o cargo, sem exceder.
Caso seu currículo seja impressionante e você fique se exaltando demais, pode passar uma impressão errada para o entrevistador de que você é bom demais para o cargo e para o salário que eles estão dispostos a pagar, por isso, mantenha o equilíbrio na hora de falar, para evitar que perca a oportunidade do emprego.

Por fim, tranquilize o entrevistador dizendo que será um prazer trabalhar com ele, e que você quer APRENDER na empresa. A justificativa para essa frase é algo recorrente: Ao mudar o foco de “eu quero ajudar a empresa a melhorar” para “eu quero aprender com vocês” você está evitando que o gerente se sinta constrangido por supervisionar alguém mais velho e perca o receio de achar que você quer tomar o seu lugar, ou ser melhor do que ele.

E você? Já conseguiu um emprego depois dos 50 anos? Usou alguma dessas táticas? Fique sabendo que nunca é tarde conseguir um emprego de sucesso e com a nova Reforma da Previdência, o mercado está de braços abertos para te receber, é só procurar no lugar certo.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*