Com o aumento no número de casos e também de mortos pelo Covid-19, causado pelo novo coronavírus, no Brasil, vale um alerta especial para o grupo mais atingido pela doença no país, o dos idosos. Até o momento, o Ministério da Saúde registrou 34 mortes e 1891 casos confirmados. Desse total, 30 óbitos foram em São Paulo, sendo que 28 deles ocorreram com idosos, acima de 60 anos, segundo a Secretaria de Estado da Saúde local.

A seguir, a gente te mostra os principais cuidados que se deve tomar com os idosos e como eles (e quem está diretamente ligado a eles) devem proceder, para se tentar diminuir o risco de contágio da doença, que vem assustando pessoas por todo o planeta.

A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG) realizou um encontro para discutir as últimas consequências do coronavírus no Brasil e como as pessoas poderiam agir para diminuir o risco de contágio à população mais longeva do país.

Gripe x Coronavírus: quais as principais diferenças?

A infecção por coronavírus se comporta de modo parecido a uma gripe comum (que é causada por outro vírus, o influenza), mas sua disseminação se mostra mais rápida e, especialmente na população acima dos 60 anos e/ou portadora de problemas crônicos, se manifesta mais gravemente. Como o Ministério da Saúde declarou transmissão comunitária em todo o país, não é mais possível saber quem se contaminou e repassou a doença para o outro. Em uma nação continental como a nossa, cidades e estados podem vivenciar as fases da epidemia em tempos diferentes.

O período de incubação do vírus, tempo entre o dia de contato com uma pessoa doente e o início dos sintomas, é de cerca de cinco dias, apesar de, em casos mais raros, chegar a 14. É nessa fase que o vírus tende a ser transmitido de forma silenciosa. Entre 80 e 85% dos casos são leves e não necessitam ser hospitalizados. No entanto, 15% precisam ser internados, a maioria idosos.

A SBGG orienta que pessoas com mais de 60 anos, sobretudo se tiverem diabetes, hipertensão ou problemas respiratórios, cardiológicos, renais ou neurológicos, além de indivíduos em tratamento de câncer ou que estejam com a imunidade comprometida, bem como todos aqueles com mais de 80 anos ou que tenham sinais de fragilidade, restrinjam o contato social. Em outras palavras, devem evitar aglomerações, festas, eventos públicos e viagens, assim como contato com pessoas que viajaram nos últimos dias ou tenham sintomas suspeitos.

Como se prevenir a doença?

As medidas mais eficientes para prevenir a infecção pelo coronavírus passam por aquilo que chamamos de etiqueta respiratória. Dentre as principais medidas, estão:

  • Higienizar com frequência as mãos usando água e sabão ou álcool em gel (70%);
  • Evitar tocar os olhos, o nariz e a boca;
  • Evitar apertos de mão, abraços e beijos quando cumprimentar as pessoas;
  • Se espirrar ou tossir, cobrir o nariz e a boca com o cotovelo flexionado ou lenço descartável, que deve ser jogado fora em seguida.

Fiquei gripado, como saber se estou com Coronavírus?

Caso um idoso tenha sintomas suspeitos, o conselho é que não corra para um pronto-socorro. No cenário ideal, o atendimento deve ser feito em domicílio, o que evita a exposição nos serviços de saúde. A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia orienta o indivíduo a procurar atendimento médico caso tenha febre, tosse, falta de ar, cansaço excessivo e/ou confusão mental.

No caso de idosos que convivem com cuidadores, se esses profissionais apresentarem sintomas de gripe, devem passar a evitar na mesma hora o contato com seus pacientes. Da mesma forma, pessoas que vivem em instituições de longa permanência, por apresentarem muitas vezes alto risco de complicações, devem ser cercadas de cuidados e cautela. A redução nas visitas e atividades em grupo e a adoção de medidas intensivas de higiene são algumas das recomendações básicas da SBGG.

Recomendados para Você
Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*