Para aqueles que estão precisando de um empréstimo seguro e com liberação do dinheiro na hora a Caixa oferece uma modalidade com uma das menores taxas do mercado.

Com o Penhor, você pode sair com o dinheiro liberado na hora e sem a necessidade de análise cadastral ou avalista. Acompanhe sobre maiores informações sobre essa modalidade de crédito.

Penhor Caixa – Liberação de Dinheiro na Hora

O Penhor Caixa é uma linha de crédito sem burocracia que possui taxas de juros bem baixas.

Isso porque para se ter acesso ao empréstimo, o indivíduo deve deixar algum bem como garantia de que vai pagar sua dívida.

Após a quitação de todas as parcelas, o bem é devolvido ao dono.

Com o penhor, você sai com o dinheiro na hora, e seus bens ficam seguros no cofre do banco.

Recentemente suas regras mudaram e, dentre as principais vantagens, as que mais se destacam é o valor do ouro que aumentou e a alteração do percentual máximo de empréstimo sobre o bem. Antes era 80%, e agora passou para 85%.

Além da mudança no percentual, as novas regras delimitam prazos de 1 a 180 dias para pagamento, e o valor penhorado é de R$ 50 a R$ 50 mil.

Caso termine seu contrato e você ainda precisa de mais dinheiro, este pode ser renovado quantas vezes forem necessárias.

E tem mais, todos os clientes que recebem salário pela Caixa possuem o benefício de receber os limites de empréstimo em até 100% do valor da garantia.

Quais Tipos de Bem Podem Ser Penhorados?

Os principais bens que costumam participar dessa modalidade de empréstimo são:

  • Jóias
  • Canetas valiosas
  • Relógios
  • Diamantes
  • Pratarias de valor

Como Solicitar Um Penhor Caixa e Receber o Dinheiro na Hora?

O penhor não está disponível em todas as agências, assim se torna necessário conferir no site da Caixa qual a agência mais perto de você que oferece esse empréstimo.

Ao encontrar a agência, deve-se levar o bem que deseja penhorar, juntamente com os documentos pessoais como RG, CPF e comprovante de residência.

Após a avaliação do funcionário da Caixa sobre o bem, o dono recebe o dinheiro na hora, enquanto o objeto penhorado vai para os cofres do banco.

A taxa de juros sobres essa operação é uma das melhores do mercado e chegam a 2,25% ao mês.

Contudo, ainda há o micro-penhor, que é destinado a quem não possui saldo médio mensal em conta corrente ou aplicação financeira acima de R$ 3 mil. Para essas pessoas, o empréstimo é limitado a R$ 1 mil e a taxa de juros está em 1,7% ao mês.

Caso o indivíduo não consiga quitar seu empréstimo, seus bens são leiloados pela Caixa Econômica Federal.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*

Recomendados para Você