Você, que é um Microempreendedor Individual (MEI), sabia que pode ter acesso a diversas ofertas e linhas de crédito exclusivas? Uma delas é oferecida pelo Banco do Povo e conta com empréstimos de até R$ 15 mil com juros abaixo de zero! A ação emergencial, que leva em conta o atual cenário de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), também é destinada aos donos de pequenos negócios em geral.

No momento, há duas modalidades disponíveis. A primeira delas é voltada para MEIs e oferece grandes vantagens, como o aumento na quantidade de parcelas, tempo de carência e, principalmente, isenção na cobrança de juros. Já a segunda linha de crédito é destinada aos micro e pequenos negócios, com juros bem baixos, variando entre 0,35% e 0,55% ao mês. Nesse caso, também existe um grande prazo de parcelamento, assim como meses para começar a pagar.

Ficou interessado? Quer saber mais como solicitar o crédito, em uma das modalidades citadas anteriormente? Continue conosco! A seguir, tudo o que você precisa saber para solicitar o crédito para dar aquele impulso em seu negócio!

Empréstimo para MEI com juros abaixo de zero

Essa modalidade tem um aporte de R$ 15 milhões, com a possibilidade de solicitar até R$ 15 mil e com juros abaixo de zero, para você que é MEI. O empresário conta com a opção de pagar o crédito em até 24 parcelas. Além disso, existe a carência de três meses (ou 90 dias) para começar a pagar.

Empréstimo a juros baixos para micro e pequenos empreendedores

Nessa segunda opção, voltada aos micro e pequenos empreendedores, existe um subsídio de R$ 35 milhões. Dessa forma, é possível realizar empréstimos de até R$ 50 mil. Na modalidade, as taxas de juros são baixas, podendo variar entre 0,35% e 0,55% ao mês. Além disso, o parcelamento pode ser feito em até 26 meses, com a carência de três meses para que você inicie o pagamento.

Quem pode solicitar os empréstimos?

Os empréstimos são destinados a pessoas jurídicas, com sede no estado de São Paulo. Para solicitar o crédito, é necessário que os empreendedores se enquadrem em um dos critérios, listados abaixo:

  • Microempreendedor Individual (MEI);
  • Microempresa (ME);
  • Sociedade Empresarial de Responsabilidade Limitada (LTDA);
  • Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Erieli).

Como obter o crédito?

Por se tratar de uma parceria do governo de São Paulo com o Sebrae, para conseguir os empréstimos, é necessário que os empresários concluam, via internet, cursos rápidos voltados ao empreendedorismo.

Os materiais estão disponíveis na página Empreenda Rápido (clique aqui para ac). Basta clicar na opção “já tenho CNPJ” para dar início ao processo. Serão disponibilizadas várias aulas, todas destinadas aos MEIs, micro e pequenos empresários.

Vale lembrar que, para conseguir os empréstimos, o empreendedor não pode ter restrições no CPF ou CNPJ. Você é microempresário e se interessou pelos empréstimos oferecidos pelo Banco do Povo? Então, não deixe de acessar o site da instituição financeira (https://www.bancodopovo.sp.gov.br/) e seguir com as etapas de solicitação, para conseguir, de maneira rápida e prática, seu crédito, para aquele “empurrãozinho” em sua empresa!

Caixa libera empréstimos de até R$ 21 mil para MEI

A Caixa Econômica Federal (CEF) emitiu uma nova modalidade de empréstimo ao Microempreendedor Individual (MEI), voltado para microcrédito produtivo. A ideia é ajudar esses profissionais a fazer investimentos comerciais.

Através de microcrédito produtivo, o MEI pode obter valores entre R$ 300,00 a R$ 21.000. Além disso, o empresário pode dividir o saldo em até 24 vezes. A taxa de juros começa em 1,99%.

Esse dinheiro permite que microempreendedores individuais invistam em equipamentos, materiais, bens ou quaisquer outros serviços relacionados ao ramo do empreendimento. O objetivo é gerar lucros e produtividade.

Quem pode solicitar o Microcrédito Produtivo?

Os interessados em solicitar o microcrédito produtivo devem ser empreendedores ou donos de empresas com faturamento inferiores a R$ 200.000. Além disso, você empresário deve ter pelo menos 18 anos e ter uma conta Caixa. Essa pessoa não pode ter o nome negativado e ainda deve ter recebido orientações comerciais ou financeiras.

Vantagens do Microcrédito Produtivo Caixa

O microcrédito produtivo direcionado da Caixa Econômica oferece aos microempreendedores individuais as vantagens, enumeradas a seguir:

  • Taxas de juros correspondentes a 1,99% ao mês;
  • Tarifa IOF sobre a contratação tem alíquota de 0%;
  • Tarifa de Abertura de Crédito (TAC) correspondente a 3%.

Como contratar o Microcrédito Produtivo Caixa?

Para contratar o Microcrédito Produtivo é necessário acessar o Portal do Empreendedor (clique aqui). Depois, informar a atividade exercida na lista de ocupações e formalizar a empresa. Em seguida, basta ir à uma agência Caixa com os seguintes documentos em mãos:

  • Documentos pessoais do MEI;
  • Comprovante de endereço residencial do MEI;
  • Certificado de Condição do Microempreendedor Individual (CCMEI) e/ou Certidão Simplificada da Junta Comercial.

Além disso, o interessado pode contratar o crédito através do canal digital Caixa Sim (clique aqui) ou ligar para 0800 726 0101. Ao assinar o contrato, é necessário preencher o formulário de registro do MEI para concluir o pedido. Se o pedido for aprovado, será creditado na conta do proprietário.

Empréstimo para negativados? A Caixa tem!

A Caixa oferece uma linha de crédito com penhor e você pode sair com o dinheiro liberado na hora e sem a necessidade de análise cadastral ou avalista.

Quer saber mais sobre essa modalidade? Clique no link abaixo!

Caixa Oferece Empréstimos de Até R$ 100 mil Para Negativados