O serviço de proteção ao crédito (SPC), ou bureau de crédito, é um serviço de informações de crédito, que utiliza informações de adimplência e inadimplência de pessoas físicas ou jurídicas para fins de decisão sobre crédito.

Assim como o Serasa Experian e o Boa Vista, o SPC Brasil permite que o consumidor negativado acompanhe sua dívida, score de crédito e através dele também é possível renegociar suas dívidas e quitá-las com o cartão de crédito.

Se o endividado deseja limpar seu nome mas não tem o dinheiro disponível em mãos, pode recorrer a esta forma de pagamento através da internet. Confira e entenda mais a respeito.

Limpando o Nome no SPC Usando o Cartão de Crédito

Para negociar sua dívida usando o cartão de crédito, primeiramente deve acessar o site do SPC Brasil e clicar em “negociar dívida”.

Para conseguir realizar esta ação, o usuário deve realizar um cadastro no site. Caso ainda não tenha, basta entrar no site e preencher suas informações gratuitamente para realizar.

Após o preenchimento dos dados pessoais, o usuário irá receber um sms com um código de acesso e um e-mail com um link. É preciso anotar o número da mensagem, pois ele deverá ser usado juntamente com o link recebido.

Após o procedimento o consumidor deverá fazer login no site do SPC para, desse modo, iniciar a solicitação do pagamento da dívida e selecionar o cartão de crédito como opção de pagamento.

Consignado Pode Ser Opção Para Quem Não Possui Cartão

Nem todas as pessoas que estão com o nome sujo no SPC têm a oportunidade de garantir um cartão de crédito, pois muitos bancos, antes de aprovar, analisam a situação financeira do possível cliente e verificam seu CPF.

Diante disso, um consignado pode ser a solução para limpar o nome.

Existem alguns bancos que liberam cartões de crédito consignados para quem está negativado, confira algumas opções:

  • Inter
  • Santander
  • Bradesco
  • BMG
  • Banco Pan
  • Banco do Brasil
Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*