Viver no vermelho não é das situações mais fáceis, certo? Ter a vontade de adquirir um bem, fazer uma viagem ou fazer um simples pedido de uma comida mais sofisticada não é das tarefas mais fáceis para quem está com dívidas. É um aperta daqui, tira dali, freia acolá que nunca para.

Aqui, vamos mostrar os cinco sinais claros que mostram que você precisa mudar de vida e como pode vencer essa dificuldade financeira para conseguir planejar ainda melhor seu orçamento. Venha conosco.

1 – Pegar dinheiro empresa

É normal ter uma dívida ou outra em um mês. Seja por um imprevisto ou mesmo por um gasto a mais, como viagem, mobília ou eletrodoméstico, essas dívidas vêm e vão. Porém, é necessário saber controlá-las e adaptar sua vida ao seu estilo de vida.

O grande problema é quando não se tem uma percepção disso e elas vão se acumulando. A partir desse momento, recorrer aos empréstimos é a única solução. Aí, meu (minha) amigo (a), a situação fica ainda mais complicada.

Afinal, contrair um empréstimo para solucionar uma dívida traz ainda mais riscos para sua saúde financeira, uma vez que você terá de arcar com juros abusivos, perde crédito e seu score no Serasa diminui, isso, claro, consiga pagar.

Por isso, se você entrou nessa bola de neve, pare e repense sua vida financeira.

2 – O dinheiro não consegue resolver as contas

Como dissemos anteriormente, organização financeira é mais do que necessário. Não adianta nada querer fazer uma viagem ou comprar um bem se você não conseguir arcar com ele.

Por isso, primeiro, some todas as despesas fixas essenciais que tem (luz, água, telefone, condomínio e aluguel, por exemplo) e veja se elas são compatíveis com seu salário. Após isso, saiba o quanto poderá gastar em um determinado mês e se precisará recorrer à renda extra (temos um artigo especialmente destinado a isso).

3 – Infelicidade no trabalho

Sejamos sinceros, nem sempre seus problemas estão somente na vida financeira em si. Para tentar compensar sua frustração profissional, você desconta em “mimos” para satisfazer esse problema. Saia disso!

Ao invés de ficar gastando horrores para ocupar um espaço em sua vida, busque se capacitar, com estudos de cursos online e se recolocar profissionalmente. Saiba o que busca e o que pode oferecer para o mercado.

4 – Se perguntar sempre como posso ganhar mais

Outro sinal preocupante é perguntar-se constantemente sobre sua situação financeira e como pode progredi-la. Isso é um sinal claro de frustração, que costuma ser sempre recompensada com mais gastos e descontrole. Para isso, a receita é simples:

  • Reconheça seu atual estado financeiro;
  • Controle-o e trace metas;
  • Invista;
  • Se aprimore;
  • Busque renda extra;
  • Esqueça o enriquecimento fácil.

5 – Não ter nenhum dinheiro guardado

O maior pecado é não ter nenhuma reserva financeira para imprevistos. Se você é uma dessas pessoas, precisa urgentemente mudar sua postura, afinal, é preciso pensar o mínimo adiante para não ser pego por mudanças no caminho. Por isso, seguem algumas dicas:

  • Diminua sua fatura do cartão de crédito e tente usá-lo o menos possível;
  • Compre pouco e esqueça o status;
  • Compre somente o essencial até se reequilibrar
  • Busque guardar pouco por mês no início, como R$ 100 ou R$ 50. Aos poucos, aumente;

Algum desses pontos lhe é familiar? Então, acalme-se. O primeiro passo você já deu, que é buscar uma solução. Siga nossos conselhos e boa sorte!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*